Portal COVID 19

Principal Atualizado em 21/05/20 - 7h56

Regiões vulneráveis do DF recebem Testagem Itinerante para Covid-19

Ação começou no Engenho das Lajes, Fercal e nas vilas Cauhy, Telebrasília e São José

 

20/5/20  19:38 AGÊNCIA BRASÍLIA* | EDIÇÃO: FREDDY CHARLSON

 

Começou, nesta quarta-feira (20), a Testagem Itinerante para detectar Covid-19 nas regiões mais vulneráveis do Distrito Federal. O objetivo é expandir a aplicação dos testes rápidos para os locais que não foram atendidos pelos postos de drive-thru. A ação iniciou nas comunidades do Engenho das Lajes, Fercal e vilas Cauhy, Telebrasília e São José. A meta é atender 27 locais até o dia 6 de junho.

 

“O objetivo é ampliar a vigilância epidemiológica e o rastreamento de possíveis casos positivos assintomáticos, principalmente, para áreas mais remotas, onde o modelo drive-thru não seria possível. Por amostragem populacional, o intuito é ter o perfil epidemiológico de todas as áreas do DF”, informou o secretário-adjunto de Assistência à Saúde, Ricardo Tavares.

 

Nos primeiros dias, serão realizadas atividades nos seguintes locais: Vila Telebrasília, Cobra Coral (região Central), Varjão, Porto Rico (Santa Maria), Vila Cauhy (Núcleo Bandeirante), Estrutural, Sol Nascente/Pôr do Sol, Brazlândia, Fercal, São Sebastião, Itapoã, Nova Colina (Sobradinho), Vila São José (Vicente Pires) e Engenho das Lajes (Gama).

 

A ação, feita em parceria com outras secretarias, prevê ainda a distribuição de máscaras de tecido e kits de higiene e saúde bucal à população. Os atendimentos serão de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h. Diferente dos pontos de drive-thru, a população desses locais não precisa fazer o agendamento no site testa.df.gov.br. Contudo, a equipe de saúde pode fazer o cadastro do cidadão na hora, caso ainda não tenha. O resultado é entregue em até 20 minutos.

 

Engenho das Lajes

Um dos pontos onde os atendimentos começaram foi o Engenho das Lajes, área de interesse social urbano do Gama. No local, a meta é aplicar 400 testes rápidos entre hoje e quinta-feira (21). A população será atendida, ao longo dos dois dias, no Centro Educacional Engenho das Lajes (Cedel).Uma das moradoras foi a padeira Rosineide Rodrigues, 41 anos, que testou negativo para Covid-19. “Eu procurava há alguns dias fazer o teste, porque teve um caso positivo onde eu trabalho. Foi muito importante conseguir isso aqui, perto de onde eu moro, para me proteger e me certificar. Graças a Deus o meu resultado deu negativo”, comemorou Rosineide.

 

O vigilante Udson Lopes, 43 anos, também foi um dos moradores do Engenho das Lajes que testou negativo para o coronavírus. Na sua opinião, a iniciativa da Testagem Itinerante é essencial para a população. “Agradeço muito por essa ação e parabenizo o trabalho da equipe de saúde”, elogiou.

 

“Hoje é motivo de muita gratidão ao governo, por montar essa estrutura para testar as pessoas daqui. Somos uma comunidade carente, então nem todas as pessoas têm como se deslocar para os postos de testagem. Só temos a agradecer à atual gestão por todos esses cuidados à população”, agradeceu Rigiana Jamahia Porto, secretária-geral da Associação de Moradores do Engenho das Lajes.

 

Segundo a diretora de Atenção Secundária da Região de Saúde Sul, Luciane Caixeta, equipes da Atenção Primária e Secundária estão atuando na testagem em massa nas populações dessas áreas. “A ideia é fazer os testes justamente para entender como está o cenário nas regiões periféricas. São pessoas que começaram a se contaminar, com potencial maior de disseminação por viverem com mais pessoas e usarem transporte público”, informou.

 

AS INFORMAÇÕES CONSTANTES NESTE SITE SÃO OFICIAIS DO GOVERNO DO DISTRITO FEDERAL.
Denúncias e reclamações

Site: www.ouvidoria.df.gov.br

Telefone: 162

Pedidos de acesso à informação: www.e-sic.df.gov.br

Em caso de suspeita: Ligue 190, 193 ou 199

Sites confiáveis para notícias sobre o coronavírus

Agência Brasília: agenciabrasilia.df.gov.br

Secretaria de Saúde do Distrito Federal: www.saude.df.gov.br