Portal COVID 19

Principal Atualizado em 21/05/20 - 7h43

Técnicas de relaxamento e automassagem são oferecidas para profissionais da UBS 5 de Samambaia

A iniciativa ocorre em meio a pandemia como uma forma de motivar os servidores que estão na linha de frente no combate à doença

 

20/5/20  18:32 AGÊNCIA BRASÍLIA* | EDIÇÃO: ISABEL DE AGOSTINI

 

Como alternativa para aliviar o estresse e a rotina de trabalho, os servidores da UBS 5 de Samambaia estão recebendo sessões com técnicas de relaxamento e automassagem. A iniciativa ocorre em meio a pandemia do novo coronavírus e como uma forma de motivar os guerreiros que estão na linha de frente no combate à doença.

 

Além disso, as técnicas trazem melhora na qualidade de vida dos profissionais e as atividades fazem parte das Práticas Integrativas de Saúde, que também são ofertadas à população do DF, em diversas UBSs, mas, por enquanto, devido à pandemia, estão suspensas ao público.

 

A ideia é fruto de uma conversa entre servidores da equipe do Núcleo de Assistência em Saúde da Família (NASF). Luciana Escarião, fisioterapeuta, e Élyda Moura, assistente social, se sensibilizaram com os relatos dos servidores e, junto à gerência, alinharam para realizar a atividade no início do turno de trabalho. Em sessão especial, gravaram um vídeo com os depoimentos dos familiares que trouxeram palavras de incentivo para os servidores, além de distribuir  um mimo que trazia um lanche numa sacola com a frase “Tudo vai ficar bem!”.

 

A automassagem e o relaxamento são amplamente divulgadas cientificamente como iniciativas que ajudam a reduzir os níveis de cortisol, hormônio liberado pelo nosso organismo quando ficamos muito estressados, além de aumentar os níveis de dopamina, neurotransmissor responsável pela sensação de prazer. Para Vanessa Sena, gerente da UBS 5, um alento nesse momento delicado que todos estão passando.

 

“É um momento diferente e de troca entre as equipes. Esse olhar para o bem estar dos servidores é fundamental para a motivação de todos os que se dedicam em prol de cuidar do outro. Isso significa que estamos atentos às questões que fogem ao trabalho prático. É olhar o servidor de forma global. Utilizamos as práticas como uma oportunidade de aliviar a tensão e começar o dia mais leve”, declarou.

 

A agente de Saúde, Maria Aparecida Bonfim, aprovou a iniciativa. “Me senti muito melhor após a prática. Ânimo para trabalhar e percebi um melhora do pensamento também”, afirmou.

 

*Com informações Agência Saúde

AS INFORMAÇÕES CONSTANTES NESTE SITE SÃO OFICIAIS DO GOVERNO DO DISTRITO FEDERAL.
Denúncias e reclamações

Site: www.ouvidoria.df.gov.br

Telefone: 162

Pedidos de acesso à informação: www.e-sic.df.gov.br

Em caso de suspeita: Ligue 190, 193 ou 199

Sites confiáveis para notícias sobre o coronavírus

Agência Brasília: agenciabrasilia.df.gov.br

Secretaria de Saúde do Distrito Federal: www.saude.df.gov.br