Portal COVID 19

Principal Atualizado em 4/06/20 - 9h35

Quase 26 mil brasilienses de áreas vulneráveis fizeram o teste para a Covid-19

Testagem itinerante já passou por 35 áreas das sete Regiões de Saúde

 

4/6/20  8:57 AGÊNCIA BRASÍLIA* | EDIÇÃO: FREDDY CHARLSON

 

A testagem para a Covid-19 nas áreas urbanas e rurais das Regiões Administrativas do Distrito Federal continua ocorrendo de segunda a sexta-feira em pontos específicos seguindo uma programação semanal. Nessa quarta-feira (3), a Secretaria de Saúde fez 2.392 testes rápidos e identificou o novo coronavírus (Sars-CoV-2) em 186 pessoas. A Estrutural foi, novamente, a região com mais detecções: 54 casos de um total de 280 exames. São Sebastião fez 499 testes e confirmou 37 infecções.

 

Duas áreas da zona rural do Paranoá receberam, pela primeira vez a testagem. Na Escola Classe Jardim II, foram feitos 143 testes que identificaram a Covid-19 em dois cidadãos. Já na Escola Classe Cariru, 13 moradores da região testaram positivo. A ação também ocorreu, de forma inédita, no Setor P Sul, em Ceilândia, em Arniqueira, no Assentamento 26 de Setembro, em Taguatinga e no Núcleo Rural Monjolo, no Recanto das Emas. Nessas áreas foram testados 1.325 habitantes e identificado o coronavírus em 80 testes.

 

Objetivo

 

A testagem itinerante tem como objetivo identificar a Covid-19 nas áreas mais remotas do DF, em pessoas sintomáticas ou que tenham histórico de contato com algum caso confirmado. A ação ocorre  nos locais que não foram alcançados pelos postos de drive-thru. Durante as ações, máscaras de tecido e kits de higiene e saúde bucal são distribuídos à população. Além disso, as equipes da Secretaria de Saúde reforçam as orientações quanto às medidas de prevenção.

 

Diferente dos pontos de drive-thru, a população desses locais não precisa fazer o agendamento no site testa.df.gov.br. Contudo, a equipe de saúde pode fazer o cadastro do cidadão na hora, caso ainda não tenha. O resultado é entregue em até 20 minutos.

 

Balanço

 

Ao todo, desde o início da ação, 25.971 brasilienses, das regiões consideradas vulneráveis, fizeram o exame cujo resultado foi positivo em 1.555. A Estrutural, que começou a testagem em 25 de maio, já testou 3.132 moradores e 555 estavam com a Covid-19. São Sebastião recebeu o maior número de testes (3.881) e identificou o coronavírus em 184 pessoas durante esta ação.

 

A região da Cobra Coral foi a única a não registrar a doença durante a ação ocorrida em 22 de maio. Os menores números de testes positivos foram observados no Varjão (1), Vila Telebrasília e Escola Classe Jardim II, com dois em cada, no Paranoá, e Engenho das Lages (4).

AS INFORMAÇÕES CONSTANTES NESTE SITE SÃO OFICIAIS DO GOVERNO DO DISTRITO FEDERAL.
Denúncias e reclamações

Site: www.ouvidoria.df.gov.br

Telefone: 162

Pedidos de acesso à informação: www.e-sic.df.gov.br

Em caso de suspeita: Ligue 190, 193 ou 199

Sites confiáveis para notícias sobre o coronavírus

Agência Brasília: agenciabrasilia.df.gov.br

Secretaria de Saúde do Distrito Federal: www.saude.df.gov.br