Portal COVID 19

Principal Atualizado em 20/08/20 - 12h37

Ceasa testará 2 mil produtores e colaboradores

Ação garante mais saúde e tranquilidade para quem vende e quem compra alimentos no local

 

20/8/20  11:25 LÍVIO DI ARAÚJO, DA AGÊNCIA BRASÍLIA * I EDIÇÃO: CAROLINA JARDON

 

A Centrais de Abastecimento do Distrito Federal (Ceasa-DF) deu início, nesta quinta-feira (20), à testagem em massa de produtores rurais e colaboradores da empresa. Dois mil testes rápidos foram entregues nesta manhã e, até a próxima segunda-feira (24), serão realizados por enfermeiros.

 

As pessoas testadas positivas serão orientadas pelas equipes da Secretaria de Saúde. A ação visa garantir a segurança não apenas dos fornecedores, mas de toda a população da capital.

 

“Os produtores, assim como os profissionais de saúde, estão na linha de frente, não pararam, para garantir a alimentação na mesa do brasiliense. Testá-los é uma ação importante tanto para que eles se sintam protegidos, quanto para que a população, que consome seus produtos, também esteja”, enfatizou a presidente da Associação de Produtores de Hortigranjeiros do Distrito Federal e Entorno (Asphor), Sandra Vitorino.

 

Para o presidente da Ceasa, Onélio Teles, a testagem mostra um governo focado em garantir a segurança e saúde da população de Brasília. Discurso reforçado também pela diretora executiva da Empresa de Assistência Técnica e extensão Rural do Distrito Federal (Emater), Louisilene Trindade. “Aqui na Ceasa estão pessoas muito importantes, pois vendem alimentos para todo o Distrito Federal. Assim, garantir a saúde de todos aqui é garantir a saúde de quem consome esses produtos”, frisou.

 

A equipe de enfermeiros

 

Juntamente com voluntários da Cruz Vermelha – aplicarão 500 testes por dia. “É um gesto simples, mas importante. A testagem tem valor epidemiológico muito grande”, explicou o secretário de Saúde, Francisco Araújo. De acordo com ele, é a partir da testagem em massa da população que o órgão monta ações e intervenções necessárias de combate à pandemia do novo coronavírus.

 

Para o vice-governador Paco Britto, os testes realizados em todo o Distrito Federal têm, inclusive, reflexo nos números apresentados pelo governo. “Quanto mais se testa, mas casos aparecem”, explicou. “Mas o governo está muito atento e tomando todos os cuidados para que o sistema de saúde não entre em colapso, que nossas UTIs não estejam 100% ocupadas e que possamos, mesmo diante das dificuldades, atender a todos que precisam”, completou.

 

Paco ressaltou a importância da agricultura para o país e a responsabilidade que o governo deve ter em garantir a saúde dos produtores e colaboradores que oferecem seus produtos na Ceasa.

 

“Esta é uma ação para toda a população do DF, afinal, todos consomem frutas, verduras, hortaliças que, na maioria das vezes, saem daqui”, disse. Segundo o vice-governador, a testagem vai garantir a tranquilidade, também, dos familiares de produtores e colaboradores. “Terão a certeza de não estarem levando o vírus para dentro de suas casas”.

 

O vice-governador lembrou, ainda, do trabalho do governo para manter a saúde, a segurança e a economia em estabilidade em todo o Distrito Federal. “O governador Ibaneis tem trabalhado arduamente, tomando as decisões na hora certa. Fechou o comércio quando deveria fechar e promoveu a reabertura com toda a segurança e responsabilidade”, disse.

 

“É preciso garantir atendimento para os acometidos pela Covid-19, mas também garantir empregos, afinal este governo representa a esperança que a população havia perdido nos governos anteriores, e que tanto depositou nesta atual gestão”, finalizou.

AS INFORMAÇÕES CONSTANTES NESTE SITE SÃO OFICIAIS DO GOVERNO DO DISTRITO FEDERAL.
Denúncias e reclamações

Site: www.ouvidoria.df.gov.br

Telefone: 162

Pedidos de acesso à informação: www.e-sic.df.gov.br

Em caso de suspeita: Ligue 190, 193 ou 199

Sites confiáveis para notícias sobre o coronavírus

Agência Brasília: agenciabrasilia.df.gov.br

Secretaria de Saúde do Distrito Federal: www.saude.df.gov.br