Portal COVID 19

Principal

Programas Sociais

Atualizada em

 

RENDA EMERGENCIAL


O Renda Emergencial consiste na transferência de renda direta do governo do Distrito Federal às famílias, aquelas cuja renda familiar mensal per capita seja de até 1⁄2 salário mínimo (R$ 522,50). O programa garante R$ 408 aos beneficiários durante período de 60 dias, podendo ser prorrogado por mais um mês. O beneficiário pode optar pelo saque do recurso ou utilizar o cartão em qualquer estabelecimento comercial do Distrito Federal.

Têm direito ao benefício, pessoas que não fazem parte dos programas Bolsa Família, DF sem Miséria, Bolsa Alfa, BPC e o Auxílio Emergencial do governo federal. O Renda Emergencial foi instituído em enfrentamento da emergência de saúde pública, de importância internacional, decorrente da doença do coronavírus.

Para mais informações ligue para a central telefônica (3029-8499), das 8h às 20h, ou acesse www.rendaemergencial.brb.com.br

 

Valor total pago: R$  4.077.144,00 

*até julho/2020

 

Para acessar a relação dos beneficiários clique aqui

 

 

PRATO CHEIO


O Programa Prato Cheio é um auxílio de segurança alimentar e nutricional, com transferência de crédito para aquisição de itens da cesta de alimentos e de pão e leite, como forma de garantir alimentação às famílias em situação de insegurança alimentar e nutricional no Distrito Federal. O valor do benefício é de R$ 250, com uso restrito em estabelecimentos alimentícios. O cartão do Prato Cheio não estará habilitado para a função saque.

Estão na lista para receber o auxílio, as famílias que já solicitaram a cesta de alimentos em alguma unidade de assistência social, como os Centros de Referência da Assistência Social (Cras) e Centro de Referência Especializado de Assistência Social (Creas), tendo o requerimento registrado no Sistema Integrado de Desenvolvimento Social (SIDS) da Sedes e atendendo aos critérios e perfil de acesso do programa.

Têm direito ao benefício, famílias de baixa renda, ou seja, com renda familiar igual ou inferior a 1⁄2 salário mínimo (R$ 522,50) per capita, e que residem no Distrito Federal e declaram encontrar-se em situação de insegurança alimentar. Dentre as famílias com esse perfil, serão priorizadas aquelas que são monoparentais chefiadas por mulheres com crianças de 0 a 6 anos; na composição familiar ter a presença de crianças de 0 a 6 anos, pessoas com deficiência e pessoas idosas.

O benefício poderá ser concedido cumulativamente com outros benefícios socioassistenciais, como o Bolsa Família e o DF Sem Miséria, desde que atenda os critérios de elegibilidade.

Para mais informações ligue para a central telefônica (3029-8499), das 8h às 20h, ou acesse www.rendaemergencial.brb.com.br

 

Valor total pago: R$  8.955.250,00

*até julho/2020

Para acessar a relação dos beneficiários clique aqui

 

 

BOLSA ALIMENTAÇÃO

O Programa Bolsa Alimentação, feito para as famílias substituírem a merenda oferecida nas escolas durante o período de suspensão das aulas, que vai até o dia 31 de maio. O benefício é emergencial, não gera direito adquirido e é temporário, se extingue com a retomada das aulas. Só continuará valendo caso seja necessária a extensão do período de permanência em casa.

 

Valor total pago: R$ 24.772.265,76

*até julho/2020

 

Página do programa:http://www.educacao.df.gov.br/bolsa-alimentacao/

 

descrição da imagem
AS INFORMAÇÕES CONSTANTES NESTE SITE SÃO OFICIAIS DO GOVERNO DO DISTRITO FEDERAL.
Denúncias e reclamações

Site: www.ouvidoria.df.gov.br

Telefone: 162

Pedidos de acesso à informação: www.e-sic.df.gov.br

Em caso de suspeita: Ligue 190, 193 ou 199

Sites confiáveis para notícias sobre o coronavírus

Agência Brasília: agenciabrasilia.df.gov.br

Secretaria de Saúde do Distrito Federal: www.saude.df.gov.br